quarta-feira, 19 de setembro de 2012

Com Luis Fabiano no ataque, Brasil enfrenta a Argentina

Contra a falta de treinamento, nada melhor do que aproveitar o entrosamento de um punhado de jogadores que atuam juntos no Brasil. Esta foi a estratégia que o técnico Mano Menezes encontrou para enfrentar a Argentina, nesta quarta-feira, às 22 horas, no estádio Serra Dourada, em Goiânia, no primeiro confronto do Superclássico das Américas.

Do meio de campo para frente, a base da seleção brasileira será formada por atletas do Corinthians, do São Paulo e claro, por Neymar, em um desenho tático ofensivo, formando um trio de atacantes. Outra sacada de Mano Menezes: confrontos contra um rival como o desta quart requerem jogadores tarimbados. Não por acaso o centroavante Luis Fabiano, cotado para ser o capitão, será titular no seu primeiro jogo após a Copa de 2010.
Luis Fabiano está para esta seleção o que foi Ronaldinho Gaúcho na primeira edição do Superclássico, em 2011, a série de dois duelos contra a Argentina na qual as seleções não podem escalar atletas do futebol europeu. Mano Menezes se mostrou preocupado com excesso de juventude do time brasileiro e disse só não convocou o atleta do São Paulo antes porque o atleta passou um bom tempo machucado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário