quarta-feira, 20 de março de 2013

Hospedagem de Brasil e Portugal em amistoso foi superfaturada, diz jornal


Reportagem indica gasto a mais de R$ 182 mil em jogo no DF em 2008.
Advogado do ex-governador José Roberto Arruda nega irregularidades.


Jogadores de Brasil e Portugal em amistoso no
Bezerrão, DF(Foto: TV Globo/ Reprodução)
Duas empresas que participaram da organização do amistoso entre Brasil e Portugal, no Distrito Federal em 2008, são investigadas pela polícia do Distrito Federal por suposto superfaturamento na hospedagem das seleções. O inquérito foi encaminhado para a Justiça.
De acordo com reportagem publicada na edição desta terça-feira (19) do jornal “Folha de S.Paulo”, o superfaturamento envolveu as empresas Pallas Turismo, responsável pela hospedagem das seleções, e Ailanto Marketing, que organizou o amistoso. O G1 não conseguiu contato com representantes das duas empresas. De acordo com o jornal, o gasto com hospedagem e alimentação das seleções foi de R$ 79 mil. No entanto, a Pallas Turismo teria cobrado R$ 261 mil. O gasto do governo do Distrito Federal (GDF) com a realização do amistoso foi de R$ 9 milhões.
Fonte: http://g1.globo.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário