quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015

Corinthians confirma calote de R$ 2,8 milhões e cita pressão de agentes para liberar Ralf

O Corinthians confirmou na Justiça que, de fato, deu um calote nos agentes do volante Ralf, em dívida que hoje gira em torno de R$ 2,8 milhões. Só que o clube apelou aos princípios de boa-fé para tentar derrubar a ação que hoje corre na 36ª Vara Cível. Conforme apurou o ESPN.com.br, o clube se defendeu dizendo que realmente não pagou as seis parcelas restantes de 140 mil euros pela compra dos direitos de Ralf. A justificativa para o calote, no entanto, é curiosa: pois não recebeu nenhuma proposta pelo jogador. Assim, sem dinheiro, não pôde quitar a dívida.
Leia mais: http://espn.uol.com.br/noticia

Nenhum comentário:

Postar um comentário