quarta-feira, 8 de maio de 2013


Michael chora com colegas do Flu e diz à família que usou droga em festa

Renan Rodrigues
Do UOL, no Rio de Janeiro

Michael participa de treinamento após divulgação de doping por cocaína
A divulgação do teste positivo para cocaína do atacante Michael mudou a rotina do jovem nas Laranjeiras. Habitualmente brincalhão, o jogador do Fluminense, que havia sido convocado à seleção brasileira sub 20, ficou abalado com a descoberta, justamente quando começava a se firmar. Antes do treinamento da última terça-feira, o camisa 27 chorou sentado no vestiário e emocionou alguns companheiros de clube.
Michael chegou ao Fluminense em 2011, após se destacar pelo Rio Preto-SP na edição daquele ano da Copa SP de Juniores. Antes, havia trabalhado como ajudante de pedreiro ao lado do pai Anselmo, em São Francisco de Sales-MG. Foi justamente aos familiares que o jogador recorreu após o baque. Ligou na noite da última segunda para se desculpar e dizer que consumiu a droga durante uma festa.
Antes da atividade da última terça, entre lágrimas, pediu para não ir a campo e ganharia a dispensa. Mas recebeu o apoio dos companheiros e do técnico Abel Braga e participou da atividade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário