quarta-feira, 28 de janeiro de 2015

JOGOS OLÍMPICOS 2016: CUSTOS AUMENTA

Obra do Parque Olímpico da Barra da Tjuca é a mais cara dos Jogos de 2016
GOVERNO ATUALIZA CUSTO E JOGOS OLÍMPICOS PARA O RIO 2016 FICAM R$ 100 MILHÕES MAIS CAROS
- A APO (Autoridade Pública Olímpica) apresentou nesta quarta-feira a atualização da Matriz de Responsabilidade dos Jogos Olímpicos de Paralímpicos do Rio-2016, que lista os projetos essenciais para a realização do evento. O documento revela aumento de R$ 100 milhões no custo dos projetos.
- Na última atualização da Matriz, as obras para a Olímpiada apresentavam custo de R$ 6,5 bilhões, enquanto a nova estimativa da APO é de R$ 6,6 bilhões, em um aumento de 1,4%. Considerando investimentos com infraestrutura e legado, o custo dos Jogos está estimado em R$ 37,7 bilhões.
- Ainda que seja a fonte oficial para a estimativa dos custos das estruturas essenciais para a realização dos Jogos, a Matriz ainda é incompleta. A 555 dias do início da Olimpíada, 25% das obras que são consideradas fundamentais não têm um custo estimado pela APO, responsável pelo relatório.
- A primeira Matriz publicada pela APO, em janeiro de 2014, 24 de 52 projetos apresentavam valores e prazos definidos, totalizando gasto de R$ 5,6 bilhões. Seis meses mais tarde, o número de projetos com custo estimado subiu para 37, e os recursos exigidos para R$ 6,5 bilhões.
- Na atualização divulga nesta quarta, a Matriz apresenta mais quatro projetos considerados essenciais, totalizando 56, sendo que 42 têm prazo e custos estimados. A próxima atualização do relatório está prevista para o mês de julho deste ano.
- Segundo a APO, "a maior parte dos investimentos, R$ 4,24 bilhões (64%), vem do setor privado. O restante, R$ 2,37 bilhões (36%), é proveniente do setor público".

Fonte: ESPN // http://promovoleventos.blogspot.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário